Contato · Rota dos Coqueiros





Contato
Perguntas Frenquentes

Contato
Perguntas Frenquentes




Os usuários que precisarem solicitar ressarcimento a Concessionária devem entrar em contato com a empresa através da ouvidoria pelo 0800 281 0 281 ou através do email faleconosco@rotadoscoqueiros.com.br

DOCUMENTAÇÃO OBRIGATÓRIA PARA ABERTURA DO PROCESSO DE SINISTRO:
- Cópia do CRLV (Certificado e Registro de Licenciamento do Veículo);
- Cópia da CNH (Carteira Nacional de Habilitação);
- 03 (três) orçamentos de reparação dos danos do veículo;
- Recibo de pedágio;
- Foto da avaria do veículo (quando o usuário não comparecer com o mesmo ao SAU);
- Demais documentos que o usuário considerar relevantes para o registro e processo de reclamação.

IMPORTANTE! O usuário somente deverá propor a abertura deste processo quando entender que a Concessionária Rota dos Coqueiros S.A. concorreu, de alguma maneira, para a ocorrência do sinistro. O processo somente terá início quando TODA DOCUMENTAÇÃO ACIMA for apresentada, no prazo de 05 (cinco) dias corridos da ocorrência do fato gerador.
A Rota dos Coqueiros é uma concessionária de rodovias (pedágio) que administra o complexo Viário do Paiva que liga os municípios de Jaboatão dos Guararapes e Cabo de Santo Agostinho.
Com um contrato de 33 anos, a Concessionária Rota dos Coqueiros, formada pela Odebrecht Rodovias (74,1%), Grupo Cornélio Brennand (25%) e Odebrecht Infraestrutura (0,9%), é uma rodovia estadual PE 024 responsável pela construção, operação, manutenção e conservação do Sistema Viário do Paiva. A via litorânea tem 6,5 km de extensão e uma Ponte Arquiteto Wilson Campos Júnior, com 320 m, a qual liga os municípios de Jaboatão dos Guararapes e Cabo de Santo Agostinho.
A Rota dos Coqueiros é responsável pela gestão e conservação viária, do paisagismo, da sinalização, da limpeza e dos dispositivos de segurança na rodovia PE 024 e pela operação viária, com inspeção de tráfego, e Serviço de Auxílio ao Usuário (SAU), com guinchos e ambulâncias do trecho concessionado que dá acesso ao bairro da Reserva do Paiva e ao litoral sul de PE.
Preencha seus dados e encaminhe o currículo na nossa página Trabalhe Conosco.
A operação de pedágio foi iniciada à 0h do dia 11 de junho de 2010.
O valor da tarifa básica para o acesso à rodovia administrada pela Concessionária Rota dos Coqueiros está na tabela tarifária disponível aqui.
Será cobrada nova tarifa somente no caso de o usuário sair do sistema viário do Paiva. Caso permaneça dentro da Concessão, não será necessário pagar a saída, pois o sistema de cobrança é unidirecional e apenas nos seus acessos localizados nos extremos da via.
Em dinheiro e pagamento automático na pista AVI (Automática).
Deverá entrar em contato com uma das seguintes administradoras:
CONECTCAR – www.conectcar.com ou postos credenciados IPIRANGA;
SEM PARAR – www.semparar.com.br;
MOVE MAIS - www.movemais.com;
VELOE – www.veloe.com.br;
GREENPASS - www.greenpass.com.br
Não. A Concessionária Rota dos Coqueiros é responsável pela gestão e operação do sistema viário do Paiva. Já a Concessionária Rota do Atlântico é a empresa responsável pela operação e administração do Complexo Viário de Suape. São formadas por grupos empresariais diferentes.
Deverá ser feito contato com o 0800 281 0 281 para que seja realizada a auditoria nos vídeos e demais registros da cabine com o recibo em mãos. Caso seja detectada a procedência da irregularidade, o reembolso será feito de imediato.
O Centro de Controle Operacional (CCO) realiza o monitoramento constante do tráfego da rodovia e coordena as ações do Serviço de Auxílio ao Usuário (SAU) 24 horas por dia. Caso necessário, recursos externos são acionados para intervenções operacionais, a exemplo das Forças Policiais, Corpo de Bombeiros, órgãos do Meio Ambiente, entre outros.
O critério de eixos está relacionado à distribuição de peso e à forma de controle desses veículos na via. Quanto maior for o peso, maior será o desgaste e o custo de manutenção.
A partir de janeiro de 2018, a Concessionária está cumprindo com o decreto federal em relação ao assunto ao fornecer em seu recibo um código que possibilita o usuário emitir o documento fiscal equivalente (DF-e) pelo site da Concessionária.
Os usuários precisam entrar em contato com as empresas conveniadas para adquirir um Tag que dá acesso à passagem nas pistas automáticas.
Sim. O limite de peso é de 8,5 toneladas, com comprimento máximo de 9 metros, altura máxima de 4,30 metros e largura máxima de 3,30 metros, conforme Lei Municipal 2.602, Art. 41. Para acesso de veículos com características acima das limitações permitidas, deverá ser solicitada para a área de operações, uma Autorização Especial de Tráfego - AET através do telefone : 0800 281 0 281.
A remoção de veículo da rodovia pelo guincho é feita para um local seguro, fora da via de tráfego, ou seja, no KM 0, no início da concessão em Barra de Jangada ou 6+500 fim da concessão em Itapuama. O serviço de guincho é indicado para veículo acidentado ou com problemas mecânicos na rodovia.
Toda segurança ao longo do bairro da Reserva do Paiva é de responsabilidade da Polícia Militar (através do CIODS (190), tendo o apoio da Associação Geral da Reserva do Paiva (através do número 99266-1696).
A velocidade máxima permitida em toda a extensão da rodovia é de 60 km/h, porém, em alguns trechos como nas rotatórias e curvas acentuadas, fica reduzida para velocidade entre 50 km/h e 40 km/h. Toda a rodovia possui a sinalização regulamentar com a indicação da velocidade no trecho.
Os trechos que dão acesso às Praças de Pedágio são administrados pelo Estado de Pernambuco (DER) ou pelos municípios de Jaboatão dos Guararapes e Cabo de Santo Agostinho, não tendo a Concessionária responsabilidade pela sua conservação ou manutenção.
A rigor, não é permitida a realização de registros fotográficos e/ou filmagens em nossa rodovia, mas analisamos caso a caso previamente. Para maiores informações entre em Contato, antes da data agendada para filmagem ou foto, com a concessionária, através do 0800 281 0 281.